(11) 3892-2302 contato@turismodeexperiencia.com.br
(11) 3892-2302 contato@turismodeexperiencia.com.br

Camboja: 10 motivos para se apaixonar

O Camboja é um país localizado no sudeste asiático, divisa com Tailândia, Laos e Vietnã. É considerado o 88° maior país do mundo, com uma população de cerca de 15 milhões de habitantes, em sua maioria budista.

Por ser um país tropical, o clima é predominantemente quente e úmido o ano inteiro. Porém, os meses de junho a outubro correspondem ao período de chuvas.

Atualmente, o Camboja é um dos países mais procurados para o turismo no Sudeste Asiático. Confira 10 motivos para escolher o Camboja como seu próximo destino.

10 motivos para se apaixonar pelo Camboja

Apesar de ainda pouco desenvolvido, o Camboja reúne todas as atrações adoradas por turistas do mundo inteiro. De praias a templos, o país oferece inúmeras opções de atividades e atrações para você se apaixonar.

1. Praias e ilhas

Muito similares às de sua vizinha Tailândia, as praias e ilhas do Camboja farão você se apaixonar à primeira vista.

Alguns exemplos são as ilhas de Koh Rong e Koh Rong Samloem. Elas são ideais para quem gosta de se aventurar com simplicidade e tranquilidade, se conectando com a natureza.

 

2. História e cultura Milenar

Esse é um país que foi local de diversas dominações e guerras históricas. Consequentemente, quem o visita pode conhecer um pouco dessa narrativa. Outras atividades recomendadas são: visitar o Museu Tuol Sleng e o campo de Choeung Ek, além dos templos e outras construções históricas espalhadas pelo território.

 

3. Templos

O país abriga uma grande variedade de Templos, principalmente os de Angkor, localizados na cidade de Siem Reap. Esse complexo de templos conta com quase mil ruínas. Entre elas estão as famosas Angkor Wat, o templo de Ta Prohm e o sítio arqueológico de Banteay Chhmar.

 

4. Sambor Prei Kuk

Esse é um templo arqueológico de tirar o fôlego que está localizado na província de Khampong Thom. As construções são datadas entre os séculos 6 e 9 e foram consideradas pela UNESCO como Patrimônio Mundial da Humanidade.

 

5. Gastronomia

É impossível visitar o Camboja e não se apaixonar pela gastronomia local. Ela é composta por uma mistura das principais especiarias da Ásia e a preços extremamente acessíveis. Nas cidades litorâneas você também pode conferir os frutos do mar preparados à moda khmer. E não deixe de experimentar o Amol e o Lok Lak.

 

6. Phnom Penh

Pelas ruas de Phnom Penh, capital do Camboja, os tuk-tuks e as bicicletas se misturam com os carros. Além disso, os monges podem ser vistos facilmente andando pela multidão.

Em relação aos pontos turísticos, vale a pena conhecer o Central Market, andar pelo calçadão à beira do Rio Tonle Sap, conhecer o Royal Palace, os templos Wat Preah Keo Korokat e Wat Phnom, ver as exibições do National Museum e assistir ao Plae Pakaa.

 

7. Palácio Real

É uma residência construída no século 19 para a família real cambojiana, com sua arquitetura característica de tirar o fôlego. O palácio é composto por 9 edifícios, entre eles a sala do trono e o Pagode de Prata, uma espécie de templo construído em prata.

 

8. Sihanoukville

Esse é o principal balneário do Camboja, localizado na costa sul do país. Além da areia branca e água cristalina você pode também aproveitar o clima do Camboja em algumas das barracas espalhadas pelas praias, com bebidas e comidas a preços bastante acessíveis.

 

9. Aventura e ecoturismo

É impossível visitar o Camboja e não se apaixonar pelas suas belíssimas paisagens. É possível alugar uma scooter para pegar a estrada e aproveitar o horizonte. Há também os passeios de barco e trilhas pelos manguezais, florestas, montanhas e cachoeiras.

 

10. Chong Khneas

Esse é o nome dado para a cidade flutuante localizada em Siem Reap. Ao passear de barco pelo vilarejo entende-se melhor as características dessa população e pode-se, ainda, conhecer construções incríveis em palafitas.

Quer conhecer o Camboja? Então confira algumas dicas importantes!

Para entrar no país é preciso de visto, porém é possível tirá-lo nos próprios aeroportos. Para isso é necessário possuir um passaporte válido por pelo menos 6 meses, o Certificado Internacional de Vacinação de febre amarela e uma foto. Também é necessário o pagamento de uma taxa e o preenchimento de um formulário no local.

A moeda local é o Riel Cambojano, porém os principais locais aceitam o dólar americano. A comunicação com os locais pode ser feita com facilidade em inglês.

 

Conte com a Turismo de Experiência para conhecer a incrível cultura de Camboja!
Converse com um de nossos consultores e programe sua viagem!

Deixe seu comentário